AMIGOS-DO-CS

Metro do Porto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Metro do Porto

Mensagem por aloureiro em Sex Fev 19, 2016 10:41 pm

O deputado do PCP Jorge Machado disse hoje que o Governo vai ser questionado para averiguar que medidas tenciona implementar para reforçar a manutenção dos veículos da Metro do Porto, sem a qual o serviço pode ser comprometido

Depois de uma reunião com as Comissões de Trabalhadores da Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário (EMEF), da Prometro e com o Sindicato Nacional dos Trabalhadores Ferroviários, Jorge Machado disse à Lusa que os deputados do PCP tinham um conjunto de informações que foram confirmadas e que configuram "um cenário bastante preocupante".

No dia 10 deste mês foi anunciado que a manutenção de 35 veículos Eurotram da Metro do Porto será feita nos próximos três anos pela EMEF, mas Jorge Machado ressalva que o anterior Governo deixou a empresa "numa situação muito preocupante".
Isto porque os trabalhadores "não têm acesso aos materiais necessários para proceder à manutenção" nem sequer os recursos humanos suficientes.
"Ficámos preocupados e confirmamos que já há consequências na operacionalidade do metro com alguns atrasos que já se verificaram na rede por falta de viaturas a operar. Isto vai-se agravar no breve prazo se não forem tomadas medidas", afirmou Jorge Machado.
Em comunicado enviado posteriormente, a direção da Organização Regional do Porto do PCP referiu que "além da gigantesca precariedade que se verifica entre os trabalhadores com o recurso a empresas de trabalho temporário, faltam mais de 25 trabalhadores o que dificulta as operações de manutenção das composições do Metro do Porto".
"Mas o que torna dramática a situação é a ausência das peças necessárias para proceder a essa manutenção. Na verdade, há várias composições do Metro do Porto paradas a aguardar manutenção e, não se verificando a entrega das peças, a breve prazo o número de composições da Metro do Porto paradas vai avolumar-se. Importa também referir que os atrasos na manutenção e a degradação das composições da Metro do Porto cria também mais dificuldades e problemas de saúde a quem conduz estas composições", sublinhou o PCP.
Em comunicado este mês, a EMEF referiu que o contrato de manutenção, no valor de 10,6 milhões de euros, foi assinado com a Metro do Porto na sequência de um concurso público internacional.

aloureiro
Aprendiz
Aprendiz

Masculino Mensagens : 7
Data de inscrição : 04/03/2014
Idade : 52

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum